Kubernetes

Subir o ETCD
docker run --net=host -d gcr.io/google_containers/etcd:2.0.12 /usr/local/bin/etcd --addr=127.0.0.1:4001 --bind-addr=0.0.0.0:4001 --data-dir=/var/etcd/data

Subir o K8S Master
docker run --volume=/:/rootfs:ro --volume=/sys:/sys:ro --volume=/dev:/dev --volume=/var/lib/docker:/var/lib/docker:ro --volume=/var/lib/kubelet:/var/lib/kubelet:rw --volume=/var/run:/var/run:rw --net=host --pid=host --privileged=true -d gcr.io/google_containers/hyperkube:v1.0.1 /hyperkube kubelet --containerid --hostname-override="127.0.0.1" --address="0.0.0.0" --api-servers="http:/localhost:8080" --config=/etc/kubernetes/manifest

Subir o service proxy
docker run -d --net=host --privileged gcr.io/google_containers/hyperkube:v1.0.1 /hyperkube proxy --master=http://127.0.0.1:8080 --v=2

Anúncios

Portainer.io

https://portainer.io/install.html

Crie um volume para o portainer:
docker volume create portainer_data

Inicie um container para o portainer:
docker run -d -p 9000:9000 -v /var/run/docker.sock:/var/run/docker.sock -v portainer_data:/data portainer/portainer

Habilite swarm:
docker swarm init

Crie o serviço do portainer:
docker service create \
--name portainer \
--publish 9000:9000 \
--replicas=1 \
--constraint 'node.role == manager' \
--mount type=bind,src=//var/run/docker.sock,dst=/var/run/docker.sock \
portainer/portainer \
-H unix:///var/run/docker.sock

Agora acesse http://localhost:9000 e divirta-se!

DATA no PostgreSQL – Brincando com funções

Agradecimento por estas excelentes dicas ao autor original: savepoint.blog.br

Savepoint

Após brincar de inserir e exibir datas e de fazer um pouco de aritimética com datas, chegou a hora de trabalhar com problemas mais complexos. Se você tiver alguma sugestão para um 4º ou até 5º post, deixe um comentário aqui.

Nesse ponto, você já deveria se sentir mais à vontade trabalhando com datas no PostgreSQL. Lembre-se sempre de consultar o capítulo 8 – “Data Types” e o capítulo 9 – “Functions and Operators” para conhecer um pouco mais sobre os tipos de dados disponíveis e as funções existentes para lidar com eles. Para hoje vamos fazer uma brincadeira simples com datas: vamos pegar o primeiro e o último dia útil do mês atual. Antes de mais nada, RTFM…. vá dar uma lida no manual para conhecer as funções do Postgres. Quanto mais eu releio a documentação, mais eu aprendo.

Mas vamos lá. Para começar, vamos pegar o…

Ver o post original 847 mais palavras